Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/859
Título: Contribuição para o estudo da construção e utilização de corpora no processo de terminologização
Autor: Silva, Manuel Moreira da
Palavras-chave: Terminologia
Data: 2002
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Resumo: A última década do século XX permitiu, graças à evolução tecnológica, a concretização das aspirações de muitas áreas do saber, quer em termos da obtenção de resultados que comprovassem as suas teorias, quer pelo reconhecimento do seu valor científico e contribuição no surgimento de novos paradigmas, ou de novas abordagens aos já existentes. A Linguística foi uma das áreas que mais beneficiou com o desenvolvimento das novas tecnologias, que permitiram, finalmente, analisar um sem número de fenómenos relacionados com as línguas naturais e o seu uso, descrevê-los, quantificá-los e construir, a partir dos dados pesquisados, novas certezas, ao mesmo tempo que se abriram novos caminhos para a reflexão e para a pesquisa científica. A disciplina que se dedica à análise empírica dos dados obtidos a partir do estudo das línguas naturais é a Linguística de Corpus, cujo papel, potenciado pelas novas tecnologias, passou a ser central na análise de factos linguísticos e na sua explicitação ou (re)conhecimento. Um dos factores essenciais ao desenvolvimento desta disciplina, e, paralelamente, uma das suas principais consequências, foi o incremento, por parte de terminólogos e lexicógrafos, da pesquisa terminológica de línguas de especialidade, tarefa à qual a comunidade linguística tem vindo a atribuir maior atenção, dadas as necessidades comunicativas próprias de cada área específica do saber. O acentuado desenvolvimento técnico e científico, e a sua necessariamente rápida e eficiente divulgação em ambientes unilingues e multilingues, obriga ao estabelecimento das respectivas terminologias nas várias línguas de especialidade, o que aumentou a necessidade de proceder à sua normalização, a fim de evitar a proliferação descontrolada de termos. A Terminologia, recorrendo a uma abordagem que concentra a sua atenção num determinado conjunto de dados linguísticos representativos de uma área científica, compilados num corpus ou em corpora, e utilizando uma metodologia de análise que considera factores quantitativos e qualitativos, internos e externos, procura determinar com exactidão a relação entre os termos de uma determinada língua de especialidade e o seu conceito, de forma a delimitar e harmonizar o seu uso. Ao mesmo tempo constroem-se bases de dados terminológicas dinâmicas, resultado da confluência de competências e capacidades específicas e da complementaridade do trabalho interdisciplinar
Descrição: Polissema: Revista de Letras do ISCAP 2002/N.º 2 Linguagens
A revista está em acesso aberto no link da versão do editor
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/859
ISSN: 1645-1937
Versão do Editor: http://www.si.iscap.ipp.pt/~www_poli/PoliDIGITAL/Polissema2.pdf
Aparece nas colecções:ISCAP - LC - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A_ManuelSilva_2002.pdf7,85 MBAdobe PDFVer/Abrir
A_ManuelSilva_2002.pdf7,85 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.