Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/831
Registo completo
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorLopes, Dalila-
dc.date.accessioned2012-10-29T11:57:58Z-
dc.date.available2012-10-29T11:57:58Z-
dc.date.issued2001-
dc.identifier.issn1645-1937-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10400.22/831-
dc.descriptionPolissema: Revista de Letras do ISCAP 2001/N.º 1 - Traduçãopor
dc.description.abstractA referência pode ser definida como sendo um acto de fala, através do qual são designadas determinadas entidades do mundo real ou de um mundo possível, que assim são trazidas para o universo do discurso. Seguindo a distinção de Searle (1969) entre três níveis de actos de fala, caracterizaríamos a referência como um acto de fala ao nível proposicional (propositional act), o qual se distingue, por um lado, do mero acto de pronunciar palavras ou frases (utterance act), e, por outro, do acto ilocutório (illocutionary act), como avisar, aconselhar, ordenar etc.por
dc.language.isoporpor
dc.publisherInstituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Portopor
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectTraduçãopor
dc.titleA Tradução de referências à luz da skopostheorie – estudo de um casopor
dc.typearticlepor
dc.peerreviewedyespor
degois.publication.firstPage49por
degois.publication.issue1por
degois.publication.lastPage60por
degois.publication.locationPortopor
degois.publication.titlePolissemapor
degois.publication.volume1por
dc.relation.publisherversionhttp://www.si.iscap.ipp.pt/~www_poli/por
Aparece nas colecções:ISCAP - LC - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A_DalilaLopes_2001.pdf5,92 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.