Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/831
Título: A Tradução de referências à luz da skopostheorie – estudo de um caso
Autor: Lopes, Dalila
Palavras-chave: Tradução
Data: 2001
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Resumo: A referência pode ser definida como sendo um acto de fala, através do qual são designadas determinadas entidades do mundo real ou de um mundo possível, que assim são trazidas para o universo do discurso. Seguindo a distinção de Searle (1969) entre três níveis de actos de fala, caracterizaríamos a referência como um acto de fala ao nível proposicional (propositional act), o qual se distingue, por um lado, do mero acto de pronunciar palavras ou frases (utterance act), e, por outro, do acto ilocutório (illocutionary act), como avisar, aconselhar, ordenar etc.
Descrição: Polissema: Revista de Letras do ISCAP 2001/N.º 1 - Tradução
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/831
ISSN: 1645-1937
Versão do Editor: http://www.si.iscap.ipp.pt/~www_poli/
Aparece nas colecções:ISCAP - LC - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A_DalilaLopes_2001.pdf8,05 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.