Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/745
Título: Relatório de estágio em terapia manual
Autor: Viana, Raúl
Orientador: Bessa, Isabel
Palavras-chave: Epicondilalgia
Mobilização com movimento
Manipulação cervical
Diagnóstico diferencial
Epicondylitis
Mobilization with movement
Cervical manipulation
Differential diagnosis
Data de Defesa: 2010
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto
Resumo: Objectivo: descrever a intervenção em fisioterapia numa paciente com diagnóstico de epicondilalgia. Participantes e Métodos: estudo de caso de uma paciente que desenvolveu um quadro doloroso no cotovelo esquerdo no início de Janeiro de 2010 e em que a intervenção de fisioterapia teve início no princípio de Fevereiro de 2010. Foi utilizada uma variedade de técnicas articulares, nomeadamente a mobilização com movimento de Mulligan, aplicação de tape e manipulação cervical. O tratamento foi realizado em dias alternados e teve a duração total de duas semanas. Resultados: logo no final da primeira sessão a paciente referiu melhoria na dor à preensão. Na segunda sessão a paciente demonstrou capacidade de realizar auto-mobilização com movimento em casa. A regressão dos sintomas foi muito rápida durante as duas primeiras sessões, passou por uma fase de estabilização da terceira à quinta sessão, até à completa remissão no fim da sexta sessão. Conclusão: o processo de raciocínio clínico desenvolvido pelo fisioterapeuta durante as seis sessões de tratamento foi salientado. Após a recolha dos dados relativos à história e sua interpretação levantaram-se as primeiras hipóteses: epicondilalgia, disfunção cervical ou sindroma do túnel radial. No exame objectivo foram realizados testes para permitir a obtenção do diagnóstico diferencial – epicondilalgia; elaborou-se então um plano de intervenção em colaboração a paciente, que se mostrou eficaz, com resultados acima das expectativas.
Objective: to describe the physiotherapy intervention in a patient with a diagnosis of epicondylitis. Methods and Sample: a patient who developed a painful elbow in the beginning of January 2010 began physiotherapy intervention in early February 2010. A variety of joint techniques, namely the Mulligan’s mobilization with movement, tape application and cervical manipulation were used. The treatment was applied in alternate days during two weeks. Results: right in the end of the first session the patient reported an improvement in pain on hand hold. On the second session the patient demonstrated ability to perform self-mobilization with movement at home. Regression of symptoms was very fast on the first two sessions, from the third to fifth session it passed through a phase of near stabilization until complete remission at the sixth session. Conclusion: clinical reasoning process developed by the therapist throughout the six treatment sessions was emphasized. Collection and interpretation of subjective data led to the settingup of the first hypothesis: epicondylitis, cervical dysfunction or radial tunnel syndrome. Objective exam tests were applied to achieve a differential diagnosis – epicondylitis; then an intervention plan was outlined in collaboration with the patient, which proved effective, with results above expectations.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/745
Aparece nas colecções:ESTSP - DM - Fisioterapia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_RaulViana_2010.pdf771,18 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.