Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/704
Título: Avaliação da percepção do risco associado à segurança por parte dos profissionais de educação em jardins-de-infância
Autor: Tavares, João Miguel
Orientador: Azevedo, Rui Pedro Labrincha
Palavras-chave: Percepção do risco
Acidentes/incidentes
Actividade escolar
Espaços
Componente educação
Jardim-de-infância
Risk perception
Accidents/incidents
School activity
Spaces
Education
Kindergarten
Data de Defesa: 2011
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto
Resumo: O estudo que ora se apresenta avalia a percepção de risco por parte dos profissionais de educação em jardins-de-infância do concelho da Maia. A avaliação da percepção foi realizada através de inquérito por questionário. No questionário são abordados temas como a formação que os inquiridos obtiveram, a tipologia dos acidentes ocorridos com as crianças, as condições estruturais do jardim-de-infância, os recreios, materiais e equipamentos, riscos eléctricos e organização de emergência. O grupo referente à segurança, higiene e saúde nos jardins-de-infância, que se encontra no questionário, foi estruturado com base na legislação e documentação de referência. A amostra recolhida diz respeito a 8 jardins-de-infância, tendo sido respondido por 34 educadoras de infância e 34 auxiliares de acção educativa. Constituíram objectivos deste estudo, verificar a percepção de risco por parte das educadoras de infância e das auxiliares de acção educativa; verificar diferenças de percepção de risco entre as educadoras de infância e as auxiliares de acção educativa sobre os diferentes temas; analisar a influência da formação recebida, idade, experiência profissional e categoria profissional na percepção do risco; Identificar qual o tema em que a amostra demonstra menos domínio. Após a análise dos resultados verificou-se que percepção das educadoras de infância e auxiliares de acção educativa era elevada, não se verificando diferenças significativamente entre as duas categorias profissionais, nem entre quem teve formação com não teve.
The study being presented evaluates the perception of risk by education professionals of the kindergarten school system in the Maia district. The evaluation was achieved through a questionnaire survey. This questionnaire addresses issues such as the education the subjects had, the types of accidents occurred with the children, the structural conditions of the kindergarten, the playgrounds, materials and equipments, electrical hazards and emergency procedures. The group referring to safety, hygiene and health mentioned in the questionnaire was structured based on the legislation and reference documentation. The samples refer to 8 kindergartens, having been answered by 34 kindergarten teachers and 34 assistants in education. This study involves verifying the perception of risk by the kindergarten teachers and the assistants in education of the different issues, analyzing the influence of the education received, age, professional experience and professional category in risk perception. Identifying which item the samples have most trouble with. After analyzing the results the conclusion is that both the kindergarten teachers and the assistants in education show a high level of knowledge, with no apparent difference between the two professional categories or who had the highest level of education.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/704
Aparece nas colecções:ESTSP - DM - Ambiente, higiene e segurança em meio escolar

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_JoaoTavares_2011.pdf1,14 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.