Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/693
Título: Prevalência de sintomas neuro-músculo-esqueléticos nos agricultores
Autor: Ribeiro, Sandra
Orientador: Melo, Cristina Argel
Palavras-chave: Agricultores
Sintomatologia neuro-músculo-esquelético
Factores de risco
Projecto comunitário
Farmers
Neuro-musculoskeletal symptomatology
Risk factors
Community project
Data de Defesa: 2010
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto
Resumo: Objectivos: O presente estudo teve como objectivos avaliar a prevalência da sintomatologia neuro-músculo-esquelética nos agricultores, identificar os seus factores de risco e avaliar a implementação de um projecto comunitário na sintomatologia neuro-músculo-esquelética dos agricultores. Metodologia: O estudo foi dividido em Estudo A e B. A amostra do Estudo A foi constituída por 250 agricultores seleccionados por amostragem consecutiva em 5 Cooperativas Agrícolas da Região Agrária entre Douro e Minho. A amostra do Estudo B foi constituída por 10 agricultores da Freguesia de Britelo - Concelho de Ponte da Barca, que aceitaram participar nas actividades do projecto (acção de educação e programa de exercícios específicos). Os dados foram recolhidos, por entrevista, através do Questionário de Avaliação dos Agricultores e o Questionário Nórdico Músculo-Esquelético. A análise estatística foi realizada recorrendo ao programa Statistical Package for Social Sciences, versão 17.0, considerando um nível de significância de 0,05. Resultados: No Estudo A observou-se que 74,4% dos agricultores referiram sintomatologia neuro-músculo-esquelético durante as actividades agrícolas e as regiões mais afectadas, foram a lombar, o pescoço e os ombros. Encontrou-se também uma associação significativa (p<0.05) entre a presença de sintomas nos agricultores e alguns factores de risco. Relativamente ao Estudo B, verificou-se uma diminuição significativa (p<0.05) na intensidade média de dor referida na lombar em algumas actividades e um aumento significativo (p<0.05) na pontuação final dos conhecimentos sobre os factores de risco. Conclusão: A população agrícola apresenta factores de risco que levam ao surgimento de sintomas neuro-músculo-esqueléticos, os quais podem ser prevenidos com a implementação de projectos comunitários.
Purpose: The purpose of this study was to assess the prevalence of neuro-musculoskeletal symptoms in farmers, identify their risk factors and evaluate the implementation of a community project in neuro-musculoskeletal symptoms among farmers. Methods: The study was divided into Study A and B. The sample of the study A consisted on 250 farmers selected at consecutive sampling in five Agricultural Cooperatives in the Agriculture Region between the Douro and Minho. The sample of Study B consisted of 10 farmers from Britelo of Ponte da Barca Council, who agreed to participate in project activities (health education session and specific exercises program). Data were collected through the Farmers‟ Assessment Questionnaire and the Nordic Musculoskeletal Questionnaire. Statistical analysis was performed using the Statistical Package for Social Sciences, version 17.0, assuming a significance level of 0.05. Results: In Study A, was observed that 74.4% of farmers reported neuro-musculoskeletal symptoms during agricultural activities and the most affected regions were the lower back, neck and shoulders. It was also found a significant association (p <0.05) between farmers‟ symptoms and some risk factors. In Study B, the implementation of a specific exercise programme decreased significantly (p <0.05) pain‟s intensity referred to lower back in some activities and a significant increase (p <0.05) in the final score of knowledge about risk factors. Conclusions: The farmers present risk factors that produce neuro-musculoskeletal symptoms which may be prevented with the implementation of community projects.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/693
Aparece nas colecções:ESTSP - DM - Fisioterapia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_SandraRibeiro_2010.pdf4,47 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.