Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/6409
Título: Eficiência de antioxidantes na estabilização do Biodiesel
Autor: Alves, Ricardo Nuno Quesado
Orientador: Garrido, Jorge Manuel Pinto de Jesus
Palavras-chave: Biodiesel
Antioxidantes
Antioxidants
Data de Defesa: 2012
Resumo: O Biodiesel é uma fonte de energia renovável que actualmente se encontra em expansão. O Biodiesel é constituído por uma mistura de ésteres alquílicos de ácidos gordos. A existência de ácidos gordos insaturados torna o Biodiesel quimicamente menos estável, podendo ocorrer oxidação, degradação e polimerização do combustível, se este for inadequadamente armazenado ou transportado. O objectivo deste trabalho consistiu em avaliar a eficiência da utilização de antioxidantes fenólicos (ácido protocatecuico, ácido gálico, ácido 3,4 di-hidroxifenilacético, ácido cafeico, ácido hidrocafeico, ácido 3,4,5-tri-hidroxicinâmico, ácido m-coumárico e ácido p-coumárico), na estabilização do Biodiesel. O estudo envolveu a análise da influência do uso de cada um dos antioxidantes na inibição da peroxidação lipídica do ácido linoleico um dos principais ácidos gordos insaturados presentes na matéria-prima utilizada na produção de Biodiesel. A avaliação do efeito de inibição dos antioxidantes na peroxidação do ácido linoleico foi efetuada usando o método do tiocianato de ferro (III). Os resultados obtidos demonstraram, que todos os ácidos fenólicos estudados, apresentam uma elevada capacidade para inibir a peroxidação lipídica do ácido linoleico. As percentagens de inibição da peroxidação do ácido linoleico variaram entre os 72%, observada para o ácido p-coumárico, e os 82 %, verificada para o ácido protocatecuico. A eficiência de inibição da peroxidação por parte dos antioxidantes fenólicos em estudo foi comparada com a obtida utilizando um antioxidante de referência, o trolox. A eficiência de inibição obtida para todos os antioxidantes fenólicos estudados foi muito superior à observada para o trolox. Os resultados obtidos nesta dissertação permitem concluir que a utilização de ácidos fenólicos constitui uma boa alternativa para a estabilização de matrizes lipídicas, particularmente em combustíveis como o Biodiesel.
Biodiesel is a renewable energy source which is currently expanding. Biodiesel is constituted by a mixture of alkyl esters of fatty acids. The presence of unsaturated fatty acids makes Biodiesel chemically less stable and can occur oxidation, degradation and polymerization of fuel if it is improperly stored or transported. The purpose of this study was to evaluate the efficiency of the use of phenolic antioxidants (protocatechuic acid, gallic acid, 3,4 di-hydroxyphenylacetic acid, caffeic acid, hidrocafeic acid, 3,4,5-tri-hydroxycinnamic acid, m-coumaric and p-coumaric acid), the stability of Biodiesel. The study involved the analysis of the influence of the use each antioxidants to inhibit lipid peroxidation of linoleic a major unsaturated fatty acids present in the raw materials used in the production of Biodiesel. Evaluation of the effect of inhibition of peroxidation antioxidants linoleic acid was effected using the iron thiocyanate method (III). The results showed that all phenolic acids studied exhibit a high ability to inhibit lipid peroxidation of linoleic acid. The percentages of inhibition peroxidation of linoleic acid ranged between 72% observed for p-coumaric acid, and the 82% observed for protocatechuic acid. The efficiency of inhibition of peroxidation by the phenolic antioxidants studied was compared with that obtained using a reference antioxidant, the trolox. The efficiency of inhibition obtained for all phenolic antioxidants studied was much higher than observed for trolox. The results obtained in this work showed that the use of phenolic acids is a good alternative for the stabilization of lipid matrices, particularly in fuels such as Biodiesel.
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/6409
Designação: Mestrado em Engenharia Química – Ramo Optimização Energética na Indústria Química
Aparece nas colecções:ISEP - DM – Engenharia Química

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_RicardoAlves_2012_MEQ.pdf853,98 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.