Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/6264
Título: Efeitos do emprego público na produção privada
Autor: Castro, Conceição
Nunes, Pedro
Palavras-chave: Emprego público
Produção privada
Consumo público
Public employment
Private output
Public consumption
Data: 2009
Editora: Instituto Politécnico do Cávado e do Ave
Citação: CASTRO, Conceição e NUNES, Pedro. Efeitos do Emprego público na produção privada. Tékhne [online]. 2009, n.12 [citado 0000-00-00], pp. 25-37 . Disponível em: <http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1645-99112009000200003&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1645-9911.
Resumo: Recentemente tem existido a preocupação em diminuir o emprego público e aumentar a eficiência das administrações públicas, como forma de promover o crescimento económico. No presente artigo analisa-se a relação entre o emprego público e produção do sector privado, para um conjunto de 19[1] países da OCDE no período de 1960-2008. Seguindo a especificação de Koskela e Virén (2000) os resultados sugerem que aquela relação não é linear, mas depende da dimensão do sector público. Da mesma forma, nas economias onde o sector público apresenta uma dimensão inferior à crítica (maximizadora da produção privada) o aumento do emprego público estimula o crescimento da produção privada. Pelo contrário, quando a dimensão do sector público é excessiva, o aumento do emprego neste sector tem um impacto negativo no output privado.
Recently there has been a concern to reduce public employment and increase the efficiency of public administrations as a means of promoting economic growth. This article analyzes the relationship between public employment and production in the private sector for a set of 19 OECD countries over the period 1960-2008. Following the specification of Koskela and Virén (2000) results suggest that this relationship is not linear, but depends on the size of government. Likewise, in economies where the public sector has a size smaller than the critical (which maximizes private production) the increase in public employment stimulates the growth of private production. On the contrary, when the dimension in public sector is excessive, the increase in employment in this sector has a negative impact on private output.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/6264
ISSN: 1645-9911
Versão do Editor: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?pid=S1645-99112009000200003&script=sci_arttext
Aparece nas colecções:ESEIG - CGE - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ART_ConceicaoCastro_2009_1.pdf377,02 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.