Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/5788
Título: Metodologia das opções reais na avaliação de investimentos produtivos: aplicação de um modelo de uma variável estocástica
Autor: Salino, Sérgio Miguel Pereira
Orientador: Ribeiro, João Adelino
Silva, Armando
Palavras-chave: Opções reais
Variáveis estocásticas
Incerteza
Irreversibilidade
Flexibilidade
Real options
Stochastic variables
Uncertainty
Irreversibility
Flexibility
Data de Defesa: 13-Mar-2015
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Estudos Industriais e de Gestão
Resumo: Os critérios neoclássicos de investimento ignoram três características fundamentais, presentes na grande maioria dos projetos de investimento produtivos, sendo elas a Flexibilidade, a Incerteza e a Irreversibilidade. Face a essas características, a abordagem das Opções Reais parece ser a única abordagem competente quando comparada com critérios como Payback, Taxa Interna de Rendibilidade ou Valor Atual Líquido. Com vista a confirmar estas afirmações, aplica-se a uma situação simulada o modelo de uma variável estocástica, que segue um processo estocástico, mais concretamente um Geometric Brownian Motion com drift, apresentado por Dixit e Pindyck (1994), modelo este que a par dos modelos de duas variáveis estocásticas, como são exemplos os desenvolvidos por McDonald e Siegel (1986) e Adkins e Paxson (2011), constituem aquele que é, tanto quanto sabemos, o “estado da arte” da temática. Com base nesta aplicação recolhemos evidências de que, de facto, através da consideração de oportunidades de investimento perspetivadas em Opções Reais diminuímos a probabilidade de incorrer em decisões de investimento que não são, de acordo com este critério, ótimas para maximizar o valor do projeto em questão.
Neoclassical investment criteria ignore three key features of the vast majority of productive investment projects, which are Flexibility, Uncertainty and Irreversibility. Considering this characteristics, the approach of Real Options appears to be the unique proficient approach when compared to criteria such as Payback, Internal Rate of Return or Net Present Value. To confirm these statements, we apply a model of one stochastic variable, that follows a Geometric Brownian Motion with Drift, presented by Dixit and Pindyck (1994), since it constitute, along with the models of two stochastic variables, as are examples the one developed by McDonald and Siegel (1986) and the one developed by Adkins and Paxson (2011), the "state of art" in Real Options, as far as we know. Based on this application we show that, in fact, by considering investment opportunities envisaged into Real Options we reduce the likelihood of incurring in investment decisions that are not, in accordance with this criterion, optimal to maximize the value of the project in particular.
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/5788
Designação: Mestrado em Finanças Empresariais
Aparece nas colecções:ESEIG - DM - Finanças Empresariais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_SergioSalino_2015.pdf1,05 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.