Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/5713
Título: Utilização de PAM's e Medicamentos e/ou Produtos à base de Plantas pela População do Concelho de Bragança
Autor: Cheio, Mónica
Orientador: Pereira, Olívia
Cruz, Agostinho
Palavras-chave: PAM´s
Medicamentos e/ ou produtos à base de plantas
Fitoterapia
Consumos
Interações planta vs. Medicamentos convencionais
Data de Defesa: 2-Set-2014
Resumo: Introdução: Entende-se por fitoterapia a terapêutica caracterizada pelo uso de plantas medicinais nas diferentes formas farmacêuticas com finalidade terapêutica, usada assim para prevenir, atenuar ou curar um estado patológico. Objetivos: Caracterizar a utilização de plantas aromáticas e medicinais (PAM´s), medicamentos e produtos à base de plantas pela população do concelho de Bragança, conhecer a fonte de indicação deste tipo de produtos, apurar a relação entre a fonte de indicação e o estado de saúde após a utilização, verificar a sua correta utilização relativa à indicação terapêutica, modo e frequência de utilização, identificar potenciais interacções medicamentosas, averiguar se os utentes informam o médico do seu uso, investigar a ocorrência de efeitos adversos e apurar a relação entre os efeitos adversos ocorridos e o género dos inquiridos. Métodos: Trata-se de um estudo observacional analítico-transversal. Nele participaram 404 indivíduos de ambos os géneros e com idades compreendidas entre os 18 e os 89 anos. A recolha de dados foi realizada entre os meses de abril e junho de 2014, através de um questionário estruturado de autopreenchimento, formado por 30 perguntas. Após a recolha dos dados procedeu-se à leitura óptica dos questionários, sendo os dados posteriormente exportados para SPSS permitindo assim o tratamento dos mesmos. Para análise estatística utilizou-se o teste do qui-quadrado considerando o nível de significância p <0,05. Resultados: Verificou-se que 53,7% dos inquiridos recorre terapeuticamente a PAM´s que inclui principalmente o uso de cidreira e camomila enquanto 33,8% faz uso de medicamentos e/ou produtos àbase de plantas nomeadamente Valdispert e Daflon. A utilização de PAM,s é motivada por autoconhecimento e indicação de familiares, amigos e vizinhos. Já os medicamentos e/ou produtos à base de plantas são utilizados maioritariamente por prescrição médica e indicação na farmácia. A ocorrência de efeitos indesejáveis foi sentida unicamente com a utilização de PAM´s e em pequena escala. Conclusão: O recurso a este tipo de produtos é uma prática bastante comum entre os moradores do concelho de Bragança, que utilizam uma grande diversidade de plantas e produtos à base de plantas para um variado leque de indicações terapêuticas, apontando a percentagem de respostas para um conhecimento dos seus efeitos terapêuticos.
Introduction: Herbal therapy is characterized by the use of medicinal plants in different pharmaceutical forms for therapeutic purposes, and also to prevent, mitigate or cure a medical condition. Objectives: To characterize the use of PAM’s plants, medicinal and herbal products by the municipality of Bragança population, know the source of that kind of products, determine the relationship between the referral source and the state of health after use, verify its proper use on the therapeutic indication, mode and frequency of use, identify potential drug interactions, find out whether users inform the doctor of its use, investigate the occurrence of adverse effects and determine the relationship between adverse effects occurred and gender of respondents; Methods: An observational analytic cross-sectional study was performed. The 404 subjects with both genders who participated in the study were aged between 18 and 89 years. Data collection was conducted between April and June 2014, using a structured self-report questionnaire consisting of 30 questions. After data collection, proceeded to the optical reading of questionnaires, and the data were subsequently exported to SPSS thus allowing the development of a database. Statistical analysis was performed using the chi-square test considering a significance level p <0.05. Results: It was found that 53.7% of the population uses a therapeutically PAM's while 33.8% use drugs and/ or herbal products. The use of PAM‘s is motivated by self-knowledge and indication of family, friends andneighbors while medical and / or herbal products are used mostly by medical prescription and indication at the pharmacy. The occurrence of undesirable effects were felt solely for the use of PAM's; Conclusion: The use of this type of products is a common practice among the residents of the municipality of Bragança, which use a wide diversity of plants and plant-based products for a wide range of therapeutic indications, indicating the percentage of responses for a knowledge of their therapeutic effects.
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/5713
Designação: Mestrado em Aconselhamento e Informação em Farmácia
Aparece nas colecções:ESTSP - DM - Aconselhamento e Informação em Farmácia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_MónicaCheio_2014.pdf1,73 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.