Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/5443
Título: As newsletters com vídeos incorporados como instrumento de comunicação. O caso da clínicas Persona
Autor: Pimenta, Nádia Isabel Cheicho
Orientador: Teixeira, Sandrina
Palavras-chave: Newsletter convencionais
Newsletters com vídeo incorporado
Marketing
Relações públicas
Marketing direto
Conventional newsletters
Newsletters with incorporated video
Direct marketing
Public relations
Data de Defesa: 2014
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Resumo: Atualmente a internet faz parte do quotidiano das pessoas e das empresas. Ao longo dos anos têm surgido ferramentas que permitem segmentar o mercado de forma mais precisa e rápida, o que permite desenvolver ofertas personalizadas que vão ao encontro das necessidades e expectativas de clientes cirurgicamente definidos. No que se refere ao processo de comunicação, as empresas têm ao seu alcance novos meios (site institucional, e-mail, redes sociais, newsletters, entre outros), que mudaram o paradigma da relação com os consumidores e com os seus diferentes públicos, ao facilitar a divulgação de informações sobre os seus produtos e/ou serviços, bem como sobre a própria marca. O foco principal desta dissertação são as newsletters, mais concretamente, as newsletters que incorporam vídeos. Para validar o modelo das hipóteses apresentadas, efetuou-se um estudo empírico de natureza quantitativa, com recurso a um questionário que foi enviado a alguns clientes (pré teste) e a todos os subscritores da newsletter da Clínicas Persona, empresa que se insere no setor de Saúde e Bem-Estar português. Este estudo permitiu verificar se este tipo de newsletter traz mais benefícios e vantagens para as empresas, do que as newsletters convencionais (com texto e/ou imagens) e se são um instrumento de comunicação mais eficaz. A incorporação de vídeos nas newsletters, juntamente com o título (assunto) e o remetente, ou seja, a empresa que as envia, são fatores que contribuem para que uma newsletter seja aberta e, por consequência, permitem que os destinatários deste meio de comunicação conheçam as informações mais recentes das empresas. Constatou-se também que as newsletters com incorporação de vídeos, são mais apelativas e retêm mais a atenção do que as newsletters convencionais, e que os temas mais pertinentes e importantes de serem comunicados através deste meio, pertencem ao âmbito da saúde, promoções/campanhas, beleza e alimentação. Constatou-se, também, que há meios de comunicação que as pessoas acedem com o intuito de conhecer informações específicas, ou seja, para se conhecer os novos serviços da empresa, as pessoas preferem saber essa informação via site, a nível de tratamentos, o meio mais eficaz é a newsletter, enquanto que a imprensa e as redes sociais são os meios preferidos para se conhecer informações sobre as campanhas/promoções e as novidades, respetivamente. Este trabalho pretende ajudar as empresas, nomeadamente as que se inserem no setor da Saúde e Bem-Estar, a conhecer as vantagens e os benefícios em usar as newsletters com vídeo incorporado.
Nowadays the internet is present in companies and people’s lives. Tools have emerged throughout the years that allow the segmentation of the market in a more accurate and faster way, which allows the creation of personalised offers that meet the needs and expectations of particular clients. When communication processes are concerned, companies have new tools available (company website, e-mail, social media, newsletters, amongst others), that changed their relationship with customers and other niche markets, by facilitating the dissemination of information about their products and/or services, as well as their own brand. This dissertation focuses on newsletters, in particular newsletters that incorporate video. In order to validate the proposed hypotheses, an empirical study that generated quantitative data was conducted by using a questionnaire that was sent to some customers (pretest) and to all subscribers of newsletters from Clínicas Persona, a company in the field of Portuguese Health and Well-Being. This study ascertains whether this type of newsletter is more beneficial and advantageous to companies than conventional newsletters (with text and/or images only) and whether they are a more effective communication tool. Factors such as the incorporation of videos in newsletters, as well as their title (subject) and senders, i.e. companies that sends them, contribute whether newsletters are opened and, consequently, allow that recipients of this means of communication get the know the companies’ most recent news. Newsletters with incorporated videos were also found to be more appealing and able to keep readers’ attention for longer than conventional newsletters, and that the most timely and important topics to be disseminated through such a means belong to the areas of health, promotion/campaigns, beauty and nutrition. It was also found that there are means of communication that people use with the aim of acquiring specific information, i.e. people prefer to visit websites to become aware of new company services, to read newsletters to find treatments and to read printed information and social media to find out about campaigns/promotions and news. This study aims to help companies, particularly those in the field of Health and Well-Being, to know the advantages and the benefits of using newsletters with incorporated video.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada ao Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto, para obtenção do grau de Mestre em Marketing Digital, sob orientação da Prof. Sandrina Teixeira
Nota: 15 valores
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/5443
Aparece nas colecções:ISCAP - DM - Marketing Digital

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_NadiaPimenta_2014.pdf2,17 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.