Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/5156
Título: O papel do inapem no fomento do empreendedorismo na provincia do Kwanza Norte-Angola
Autor: Quilaça, Sebastião Machado
Orientador: Machado, Celsa Maria de Carvalho
Pereira, Adalmiro Álvaro Malheiro de Castro Andrade
Palavras-chave: Kwanza Norte
Angola
Empreendedorismo
PMEs
INAPEM
Entrepreneurship
Data de Defesa: 2014
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Resumo: Angola é, na actualidade, uma das economias do mundo que regista maior crescimento económico. É no entanto ainda uma economia com uma elevada taxa de pobreza e profundas desigualdades e assimetrias regionais. Muitos acreditam que a implementação de políticas públicas apropriadas possa fomentar o empreendedorismo e permitir um crescimento económico mais equilibrado em que as diferenças regionais se atenuem. A investigação sobre como o empreendedorismo se concretiza nas diversas regiões de Angola e a avaliação dos efeitos das diferentes políticas públicas de apoio ao empreendedorismo é com certeza relevante. O objectivo desta dissertação é contribuir para o aprofundamento desse conhecimento com um estudo sobre como o empreendedorismo se concretiza numa das regiões mais pobres de Angola, a província do Kwanza Norte, e de aferir se as políticas de apoio ao empreendedorismo patrocinadas pelo INAPEM tiveram ou não algum efeito diferenciador nesse empreendedorismo. Para tal, foi realizada uma entrevista a uma dirigente local do INAPEM e foi elaborado um questionário que foi administrado pessoalmente a cerca de 20% das micro, pequenas e médias empresas registadas no INAPEM do Kwanza Norte, no período 1996-2013. Concluiu-se pela inexistência de evidência de que os programas governamentais de fomento do empreendedorismo, no âmbito da formação e da facilitação do acesso ao crédito bonificado, patrocinados pelo INAPEM, tenham potenciado um empreendedorismo mais inovador e mais gerador de riqueza nesta região. Concluiu-se ainda que este empreendedorismo foi exercido maioritariamente por jovens homens trabalhadores, com qualificações académicas superiores à média, com experiência na área de negócios e que decidiram criar um negócio motivados pelo desejo de ascensão económico-social e de independência. Concretizou-se em empresas em nome individual de muito pequena dimensão, que reproduzem a especialização produtiva da região e que recorreram ao crédito bancário para complementar os recursos próprios no financiamento do início da sua actividade. É um empreendedorismo que contribuiu essencialmente para a criação de emprego na região ainda que os seus protagonistas o percepcionem como tendo algum grau de inovação.
Angola is, at present, one of the world's economies that recorded higher economic growth. It is however still an economy with a high rate of poverty and deep inequalities and regional disparities. Many believe the implementation of appropriate public policies to promote entrepreneurship and facilitate more balanced economic growth that regional differences attenuate. The investigation into how entrepreneurship is realized in different regions of Angola and the assessment of the effects of various public policies to support entrepreneurship is relevant with certainty. The purpose of this dissertation is to contribute to the deepening of this knowledge to a study on how entrepreneurship is realized in one of the poorest regions of Angola, northern Kwanza Norte province, and to assess whether policies to support entrepreneurship sponsored INAPEM had or not some differentiating effect in entrepreneurship. To this end, an interview was conducted with a local leader of the INAPEM and a questionnaire was administered personally to about 20% of micro, small and medium enterprises registered in INAPEM Kwanza Norte, in the period 1996-2013 has been prepared. It was concluded that there was no evidence that government programs to promote entrepreneurship within the training and facilitating access to subsidized credit, sponsored by INAPEM, have boosted a more innovative entrepreneurship and generates more wealth in this region. It was concluded that this entrepreneurship was exercised mainly by young men workers with above average academic qualifications, with experience in business and decided to create a motivated by the desire for economic and social mobility and independence business. Materialized in individual enterprises are very small, that reproduce the productive specialization of the region and resorted to bank loans to supplement their own resources in financing the beginning of its activity. It is an entrepreneurship that contributed mainly to job creation in the region even though its protagonists the percepcionem as having some degree of innovation.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada ao Instituto de Contabilidade e Administração do Porto para a obtenção do grau de Mestre em Empreendedorismo e Internacionalização, sob orientação de Celsa Maria Carvalho Machado e Adalmiro Álvaro Malheiro de Castro Andrade Pereira
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/5156
Aparece nas colecções:ISCAP - DM- Empreendedorismo e Internacionalização

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_Sebastião Quilaça_2014.pdf827,73 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.