Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/4753
Título: Characterisation of adventitious lung sounds in people with dementia
Autor: Rocha, Vânia Patrícia
Orientador: Marques, Alda
Melo, Cristina Argel
Palavras-chave: Crackles
Wheezes
Dementia
Computerised auscultation
Fervores
Sibilâncias
Demência
Auscultação computadorizada
Data de Defesa: 2013
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto
Resumo: Introduction: Lower Respiratory Tract Infections (LRTIs) are highly prevalent in institutionalised people with dementia, constituting an important cause of morbidity and mortality. Computerised auscultation of Adventitious Lung Sounds (ALS) has shown to be objective and reliable to assess and monitor respiratory diseases, however its application in people with dementia is unknown. Aim: This study characterised ALS (crackles and wheezes) in institutionalised people with dementia. Methods: An exploratory descriptive study, including 6 long-term care institutions was conducted. The sample included a dementia group (DG) of 30 people with dementia and a match healthy group (HG) of 30 elderly people. Socio-demographic and anthropometric data, cognition, type and severity of dementia, cardio-respiratory parameters, balance, mobility and activities and participation were collected. Lung sounds were recorded with a digital stethoscope following Computerised Respiratory Sound Analysis (CORSA) guidelines. Crackles’ location, number (N), frequency (F), two-cycle duration (2CD), initial deflection width (IDW) and largest deflection width (LDW) and wheezes’ number (N), ratio (R) and frequency (F) were analysed per breathing phase. Statistical analyses were performed using PASW Statistics(v.19). Results: There were no significant differences between the two groups in relation to the mean N of crackles during inspiration and expiration in both trachea and thorax. DG trachea crackles had significant higher F during inspiration and lower IDW, 2CD and LDW during expiration when compared with HG. At the thorax, the LDW during inspiration was also significantly lower in the DG. A significant higher N of inspiratory wheezes was found in the HG. Both groups had a low ratio of high frequency wheezes. Conclusion: Computerised analyses of ALS informed on the respiratory system and function of people with dementia and elderly people. Hence, this could be the step towards prevention, early diagnosis and continuous monitoring of respiratory diseases in people with cognitive impairment.
Introdução: As Infeções do Trato Respiratório Inferior (ITRIs) são bastante prevalentes em pessoas institucionalizadas com demência, constituindo uma causa importante de morbilidade e mortalidade. A auscultação computadorizada dos Sons Pulmonares Adventícios (SPAs) é objetiva e fiável para avaliar e monitorizar doenças respiratórias, no entanto, a sua aplicação em pessoas com demência é desconhecida. Objetivo: Caracterizar os SPAs(fervores e sibilâncias) em pessoas institucionalizadas com demência. Métodos: Foi desenvolvido um estudo descritivo exploratório em 6 lares. A amostra incluiu um grupo com demência(GD) com 30 pessoas com demência e um grupo saudável(GS) com 30 pessoas idosas correspondentes. Recolheram-se dados sociodemográficos e antropométricos, cognição, tipo e severidade de demência, parâmetros cardiorrespiratórios, equilíbrio, mobilidade e atividades e participação. Os SPAs foram gravados com um estetoscópio digital seguindo as recomendações propostas pela Computerized Respiratory Sound Analysis (CORSA). Analisou-se a localização, número(N), frequência(F), duração de 2ciclos completos(2CD), amplitude da deflexão inicial(IDW), amplitude da maior deflexão(LDW) dos fervores e o número(N), rácio(R) e frequência(F) das sibilâncias por ciclo respiratório. As análises estatísticas foram efetuadas com o PASW Estatística(v.19). Resultados: Não se verificaram diferenças estatisticamente significativas entre os grupos relativamente ao N médio de fervores durante a inspiração e expiração na traqueia e tórax. Os fervores do GD na traqueia tinham frequências superiores durante a inspiração e IDW, 2CD e LDW menores durante a expiração quando comparados com o GS. No tórax, o LDW durante a inspiração foi também significativamente menor no GD. O GS apresentou um N de sibilâncias expiratórias significativamente superior. Ambos os grupos possuíram um rácio de sibilâncias reduzido de elevada frequência. Conclusão: A análise computadorizada dos SPAs informou sobre o estado e função do sistema respiratório em pessoas com demência e pessoas idosas. Este pode ser um contributo no sentido da prevenção, diagnóstico precoce e monitorização contínua das doenças respiratórias em pessoas com défices cognitivos.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/4753
Aparece nas colecções:ESTSP - DM - Fisioterapia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_VaniaRocha_2013.pdf860,42 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.