Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/4738
Título: Testes de resistência, flexibilidade, e ativação/controlo muscular da região lombo pélvica em futebolistas amadores com e sem dor lombar
Autor: Menezes, Guilherme Corrêa
Orientador: Torres, Rui
Palavras-chave: Lombalgia
Futebol
Resistência
Flexibilidade
Ativação/controlo muscular
Low back pain
Football
Endurance
Flexibility
Muscle activation/control
Data de Defesa: 2013
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto.
Resumo: Introdução: A dor lombar é comum manifestar-se em atletas de futebol, pelo que se torna importante utilizar testes clínicos como forma de detetar alterações que estejam associadas à presença de dor lombar. Objetivo: Identificar a relação entre a presença de dor lombar e os testes de resistência, flexibilidade e ativação/controlo muscular da região lombo pélvica em futebolistas com e sem dor lombar. Métodos: Realizou-se o presente estudo transversal numa amostra de 25 futebolistas amadores, dos quais 8 apresentavam dor lombar. Foi avaliada a resistência e os rácios dos músculos globais do tronco, a flexibilidade dos flexores e extensores da anca bem como a ativação/controlo dos músculos transverso do abdómen e multífidos. Resultados: Os atletas com lombalgia apresentaram uma diminuição significativa do tempo de resistência muscular dos vários grupos musculares do tronco e da flexibilidade muscular comparativamente aos atletas sem lombalgia. Foi também identificado um aumento significativo no rácio flexores/extensores do tronco. Relativamente aos testes de ativação muscular, não foram encontradas associações com a presença de dor lombar. Conclusão: A aplicação de testes de resistência e flexibilidade parece diferenciar os indivíduos com e sem dor lombar, não se tendo verificado o mesmo quanto à ativação do transverso do abdómen e dos multífidos.
Introduction: Low back pain is common in amateur soccer players, and it is therefore important to use clinical tests as a way to detect changes that are associated with this condition. Aims: To identify a relation between low back pain and resistance, flexibility, and muscle activation/control tests in amateur football players. Methods: This cross-sectional study was conducted with 25 amateur footballers, of which 8 had low back pain. It was assessed trunk muscle endurance, knee flexors and extensors flexibility as well as transversus abdominis and multifidus activation/control. Results: : The athletes with low back pain showed a significant decrease in trunk muscles endurance time and muscle flexibility compared to athletes without LBP. It was not verified an association between low back pain and transversus abdominis and multifidus activation/control. Conclusions: Endurance and flexibility tests seem to differentiate individuals with and without low back pain; however the same was not verified in transversus abdominis and multifidus activation.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/4738
Aparece nas colecções:ESTSP - DM - Fisioterapia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_GuilhermeMenezes_2013.pdf584,67 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.