Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/4543
Título: Mecanismos de gestão de recursos humanos no setor público: as implicações da austeridade
Autor: Rodrigues, José Nuno Pinto
Orientador: Nunes, Pedro
Curado, Henrique
Palavras-chave: Administração pública
Estudo MERCER
Modelos de gestão de recursos humanos
Austeridade
Administración pública
Investigación mercer
Modelos de gestión de recursos humanos,
Austeridad
Public administration
Study MERCER
Models of human resource management
Austerity
Data de Defesa: 2013
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Resumo: Nestes tempos o Estado encontra-se perante o dilema da redução dos seus custos de funcionamento e da resposta à sua população, que não abdica do modo de vida a que se habitou, o qual assenta num nível de serviços que não poderá ser mantido, com a atual estrutura de financiamento. Solucionar o problema implica uma delimitação clara das funções do Estado, porquanto, apenas esta permitiria ter a perceção correta dos seus custos. Simultaneamente, importa determinar quais os custos inerentes ao exercício dessas funções, o que por si só permitiria reduzir a despesa com o seu funcionamento. Só assim se pode explicar à população a relação custo benefício e qual o contributo necessário de cada um. A realização deste desiderato pressupõe dois níveis de atuação: no plano de tomada de decisão política e ao nível da gestão dos serviços públicos. Atento ao interesse pelo estudo da gestão pública (e não no plano das opções políticas), importa perceber quais os mecanismos que os serviços podem utilizar com vista à otimização dos seus recursos humanos, dada a escassez de recursos financeiros. Constitui objeto deste estudo identificar e analisar as potencialidades dos mecanismos de gestão ao dispor dos gestores de recursos humanos na administração pública. Pretende-se avaliar os meios legais, que, conjugados com a capacidade de liderança e de tomada de decisões, contribuam para a sua otimização, que, sem descurar a qualidade dos serviços prestados, possibilite a sua adequação às potencialidades proporcionadas pelos novos instrumentos de gestão pública. Analisa-se, ainda, o conjunto de opções tomadas no âmbito da reforma administrativa do Estado, e quais as suas implicações no modelo de gestão de recursos humanos, assim como a linha orientadora e implicações futuras. Por último examina-se o estudo da MERCER, que visa comparar o nível de rendimento dos trabalhadores do setor público com o privado.
En estos tiempos el Estado se enfrenta con el dilema de reducir sus costos de operación y la respuesta a su población, que no quieren renunciar a una forma de vida a la que ellos han habitado, que presupone un nivel de servicio que no se puede mantener con la estructura actual de financiación. La solución del problema requiere de una clara delimitación de las funciones del Estado, porque sólo esto tendría la percepción correcta de sus costos. Al mismo tiempo, es importante para determinar qué cargos se aplicarán a esas funciones, que por sí misma se reduciría el gasto de su funcionamiento. Sólo así se puede explicar a la población el costo-beneficio y la contribución que se requiere de cada uno. La realización de este objetivo requiere dos niveles de actuación: En la toma de decisiones políticas y en la gestión de los servicios públicos. Consciente del interés en el estudio de la administración pública (y no en términos de opciones de política), que es importante para entender los mecanismos que los servicios pueden utilizar para la optimización de sus recursos humanos, teniendo en cuenta la escasez de recursos financieros. El objeto de este estudio para identificar y analizar el potencial de los mecanismos de gestión de recursos humanos disponibles para los sus administradores. Tiene como objetivo evaluar los medios legales, lo que, combinado con el liderazgo y la toma de decisiones, contribuyendo a la optimización en la gestión de recursos humanos en el sector público, lo que, sin descuidar la calidad de los servicios, permite su adaptación a las posibilidades que ofrecen los nuevos instrumentos de la gestión pública. También se analiza el conjunto de decisiones tomadas en la reforma del estado administrativo y cuáles son sus implicaciones en el modelo de gestión de recursos humanos, así como la guía y las implicaciones futuras. Finalmente se analiza la investigación Mercer, que tiene como objetivo comparar el nivel de ingreso ganó de los trabajadores en el sector público con el sector privado.
In these times the state is faced with the dilemma of reducing their operating costs and the response to its population, who doesn’t want to give up a way of life to which they got used to, which presuppose a level of service that cannot be kept with the current funding structure. Solving the problem requires a clear delimitation of state functions, because only this clear delimitation would have the correct perception of costs. Simultaneously, important to determine what charges will apply to those duties, which by itself would reduce the expense of its operation. Only thus can we explain to the population the cost benefit and what contribution required of each. The realization of this goal requires two levels of performance: On the political decision-making and in the management of public services. Mindful of the interest in the study of public administration (and not in terms of policy options), which is important to understand the mechanisms that services can be used for the optimization of their Human Resources, given the scarcity of financial resources. The object of this study to identify and analyze the potential of management mechanisms available to Human Resources Managers in public administration. Aims to assess the legal means, which, combined with the leadership and decision-making, contributing to the optimization in the public sector, which, without neglecting the quality of services, enables its adaptation to the potential offered the new instruments of public management. It also analyzes the set of choices made in the reform of the administrative state, and what their implications on the model of Human Resources Managers, as well as the guideline and future implications. Finally it examines the study of MERCER, which aims to compare the level of income of workers in the public sector with the private sector.
Descrição: Dissertação de Mestrado apresentada ao Instituto Politécnico do Porto para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Gestão das Organizações – Ramo de Gestão de Empresas Orientador: Professor Doutor Pedro Nunes Orientador: Professor Henrique Curado
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/4543
Aparece nas colecções:ISCAP - DM - Gestão das Organizações

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_JoseRodrigues_2013.pdf1,67 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.