Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/4326
Título: Agenesia do ligamento cruzado anterior – estudo de caso
Autor: Moreira, Andreia
Orientador: Torres, Rui
Palavras-chave: Agenesia
Ligamento cruzado anterior
Dinamómetro isocinético
Electromiografia de superfície
Quadricípite
lsquiotibiais
Gastrocnémios
Agenesis
Anterior cruciate ligament
Isokinetic dynamometer
Surface electromyography
Quadriceps
Hamstrings
Gastrocnemius
Data de Defesa: 2010
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto
Resumo: A agenesia do ligamento cruzado anterior é uma condição extremamente rara. Dada a importância desta estrutura na função muscular, cinética e cinemática do joelho, especula-se que muitas serão as alterações decorrentes desta patologia . Perante o caso de uma atleta com agenesia do ligamento cruzado anterior, este trabalho pretendeu estudar os possíveis défices resultantes desta condição e, perceber se as alterações encontradas no membro com agenesia constituem uma estratégia de compensação eficaz, para um joelho com ausência do ligamento cruzado anterior. Desta forma , foi realizada uma avaliação da força dos músculos quadricípite e isquiotib iais , num dinamómet ro isocinético, a 60°/s e 180°/s. Fo i também recolhido o sinal electromiográfico do vasto medial, bicípite femural e gastrocnémio medial, durante a realização do salto vertical e horizontal. Os dados foram comparados bilateralmente. Os resultados evidenciaram um défice de força dos extensores do joelho com agenesia do LCA. No entanto, para os isqu iotibiais esse défice não foi evidente. A electromiografia não revelou uma estratégia de compensação consistente. Contudo, os resultados realçaram a importância dos flexores do joelho e plantares na estabilização dinâmica de um joelho com ausência do ligamento cruzado anterior. Concluiu-se que as alterações encontradas não formam uma adaptação eficiente .
The agenesis of the anterior cruciate ligament is an extremely rare condition. Due to the importance of this structure on the muscular function, kinetic and kinematics of the knee, it is speculated that many alteration might result from this pathology. This case study is about an athlete with anterior cruciate ligament agenesis. lt was intended to study the knee possible deficits arising from this condition and try to realize the alterations found on the limb with agenesis, moreover to understand if those adaptations are an effective strategy for a knee without anterior cruciate ligament. For this, an evaluation of quadriceps and hamstring strength was collected on an lsokinetic Dynamometer, at 60°/S and 180 °/s. The electromyoghrafic signal of vastus media/is, bíceps femoris and medial gastrocnemius was also accessed during the vertical and horizontal jump . The data were compared bilateral/y. The results showed a strength deficit of knee without anterior cruciate ligament extensors. However the deficit was not perceived on hamstrings strength. The electromyography doesn 't revea/ a consistent activation pattern. Nevertheless the results highlight the importance of knee and plantar flexors on dynamic stabilization of the anterior cruciate ligament deficient knee. lt is concluded that the alterations found are not an effective adaptation.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/4326
Aparece nas colecções:ESTSP - DM - Fisioterapia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_AndreiaMoreira_2010.pdf35,51 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.