Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/3823
Título: Boas práticas de igualdade de género e sua relação nos domínios da satisfação laboral e clima organizacional
Autor: Vilela, Ana Alexandra Fonseca
Orientador: Araújo, Manuel Salvador
Palavras-chave: Igualdade de género
Satisfação laboral
Clima organizacional
Boas práticas
Gestão e desenvolvimento de recursos humanos
Gender
Job satisfaction
Organizational climate
Practice
Management and human resource development
Data de Defesa: 3-Fev-2014
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Estudos Industriais e de Gestão
Resumo: A Igualdade entre Homens e Mulheres e a não discriminação constituem princípios fundamentais da Constituição da Republica Portuguesa e do Tratado que institui a União Europeia – Tratado de Lisboa. A desigualdade entre Homens e Mulheres constitui uma violação dos direitos fundamentais, e impõe um pesado custo à economia na medida em que se desaproveitam talentos em função do género. A promoção de uma efetiva igualdade entre Homens e Mulheres constitui um dever fundamental do Estado. A promoção da participação ativa de Homens e Mulheres na vida política, ao nível da administração central, regional e local, é também um forte indicador da qualidade da democracia de um estado. Tomando por base a temática da Igualdade de Género, o Roteiro para a Igualdade entre Homens e Mulheres (2006-2010), o pacto Europeu para a Igualdade entre os Sexos (2006), a Estratégia para a Igualdade entre Homens e Mulheres 2010-2015 que elencam ações consideradas prioritárias – igualdade na independência económica; igualdade na remuneração por trabalho igual e por trabalho de igual valor; igualdade na tomada de decisões; promoção da dignidade e a integridade, pôr fim à violência de género; e questões horizontais – papéis desempenhados por Homens e Mulheres, legislação, governação e instrumentos no domínio da igualdade entre Homens e Mulheres, o objeto deste estudo centra-se na atividade do Estado Português, mais concretamente ao nível local. Procurou-se enquadrar esta temática na Gestão dos Recursos Humanos, na busca de um conhecimento mais aprofundado sobre a implementação de Boas Práticas de Igualdade de Género e a sua relação nos domínios da Satisfação Laboral assim como no Clima Organizacional. O presente estudo expõe uma abordagem quantitativa, de carácter descritivo, exploratório, correlacional e preditivo. O tratamento estatístico realizou-se com recurso ao programa IBM SPSS Statistics, versão 21. Os resultados encontrados apontam para uma associação positiva entre a existência de boas práticas de igualdade de género e a satisfação laboral dos trabalhadores, assim como do clima organizacional. São apresentadas pistas para a intervenção no domínio da função da gestão e desenvolvimento dos recursos humanos.
Equality between women and men and non-discrimination are fundamental principles of the Constitution of the Portuguese Republic and the Treaty establishing the European Union - Treaty of Lisbon. Inequality between men and women is a violation of fundamental rights, and imposes a heavy cost to the economy in that it waste talents by gender . The promotion of effective equality between women and men is a fundamental duty of the State. The promotion of active participation of women and men in political life, at the central, regional and local government, is also a strong indicator of the quality of democracy in a country. Based on the theme of Gender Equality, the Roadmap for Equality between Women and Men (2006-2010), the European Pact for Gender Equality (2006 ), the Strategy for Equality between Women and Men 2010-2015 considered priority actions that we list - equal economic independence, equal pay for equal work and work of equal value; equality in decision -making, promoting the dignity and integrity, putting an end to gender violence, and other issues - roles played by Men and Women, law enforcement and tools in the field of equality between women and men, the object of this study focuses on the activity of the Portuguese State, more particularly at the local level. We sought to better understand this issue from the perspective of human resources management, as well as the relationship of Good Practices for Gender Equality and its relationship to job satisfaction and organizational climate. This study presents a quantitative approach, the descriptive nature, exploratory, correlational and predictive. Statistical analysis was performed using IBM SPSS Statistics, version 21 program. The results indicate a positive association between the existence of good practices in gender equality and job satisfaction of employees as well as organizational climate. Clues for the intervention in the domain of the function of management and human resource development are presented.
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/3823
Designação: Mestrado em Gestão e Desenvolvimento de Recursos Humanos
Aparece nas colecções:ESEIG - DM - Gestão e Desenvolvimento de Recursos Humanos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_AnaVilela_2013.pdf1,04 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.