Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/3620
Título: ZAP – Muito mais que um acesso privilegiado
Autor: Ramos, Sérgio
Silva, António
Palavras-chave: Telecomunicações
Data: 2012
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Engenharia do Porto. Área de Máquinas e Instalações Eléctricas. Departamento de Engenharia Electrotécnica
Relatório da Série N.º: Neutro à Terra;Nº 9
Resumo: Parafraseando as prescrições e especificações técnicas da 2ª Edição do Manual de Infraestruturas de Telecomunicações em Edifícios (ITED), “Os fogos de uso residencial possuem, obrigatoriamente, um local onde se concentram as três tecnologias: par de cobre (PC), cabo coaxial (CC) e fibra ótica (FO). Esse local é designado por Zona de Acesso Privilegiado (ZAP) e localiza‐se na divisão mais adequada, no entendimento do projetista e de acordo com as preferências do dono de obra“. Nesta zona concentram‐se as 3 tecnologias atualmente obrigatórias constituindo, assim, um suporte para o fornecimento avançado de serviços tecnológicos evoluídos. A modernização e evolução das infraestruturas de comunicações eletrónicas em Portugal na última década, quer ao nível regulatório, quer ao nível tecnológico dos equipamentos, constituem, implacavelmente, um poderoso incentivo à expansão da sociedade do conhecimento que deixaremos como legado às gerações vindouras.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/3620
ISSN: 1647‐5496
Versão do Editor: http://neutroaterra.blogspot.pt/index.html#3991346209880978557
Aparece nas colecções:ISEP - DEE - Neutro à Terra - Revista Técnico-Científica - 2017 (Nº 19)
ISEP - DEE - Neutro à Terra - Revista Técnico-Científica - 2012 (Nº 9)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ART_SergioRamos_2012_NAT.pdf942,82 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.