Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/2712
Título: Geotecnia dos túneis do maciço de Paranhos: avaliação hidrogeomecânica exploratória
Autor: Madureira, Marlene Marisa Batista
Orientador: Chaminé, Helder I.
Afonso, Maria José
Palavras-chave: Maciços rochosos graníticos
Classificações geomecânicas (RMR, Q‐system, GSI, HP‐value)
Zonamento hidrogeomecânico
Infiltrações de água subterrânea em túneis
Granitic rock masses
Rockmass classifications (RMR, Q‐system, GSI, HP‐value)
Hydrogeomechanical zoning
Groundwater seepage in tunnels
Data de Defesa: 2012
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Engenharia do Porto
Resumo: As classificações geomecânicas são uma das abordagens mais reconhecidas para estimar a qualidade do maciço rochoso, face à sua simplicidade e competência para gerir incertezas. As incertezas geológicas e geotécnicas podem ser avaliadas de forma eficaz usando classificações adequadas. Este estudo pretende enfatizar a importância das classificações geomecânicas e índices geomecânicos, tais como a Rock Mass Rating (RMR), a Rock Tunnelling Quality Index (Qsystem), o Geological Strength Index (GSI) e o Hydro‐Potential (HP) Value, para ajuizar a qualidade do maciço rochoso granítico das galerias subterrâneas de Paranhos (setor de Carvalhido ‐ Burgães; área urbana do Porto). Em particular, o valor hidro‐potencial (HP‐value) é uma classificação semi‐quantitativa aplicada a maciços rochosos que permite estimar as infiltrações de água subterrânea em escavações de terrenos rochosos. Para esta avaliação foi compilada e integrada uma extensa base de dados geológico‐geotécnica e geomecânica, apoiada na técnica de amostragem linear de superfícies expostas descontinuidades. Para refinar o zonamento geotécnico do maciço rochoso granítico, previamente realizado em 2010, foram coletadas amostras de rocha em pontos‐chave, com o objetivo de avaliar a sua resistência através do Ensaio de Carga Pontual (PLT). A aplicação das classificações geomecânicas foi realizada de uma forma equilibrada, estabelecendo diferentes cenários e tendo sempre em conta o conhecimento das características do maciço in situ. Apresenta‐se uma proposta de zonamento hidrogeomecânico com o objetivo de compreender melhor a circulação geo‐hidráulica do maciço rochoso granítico. Pretende‐se com esta metodologia contribuir para aprofundar o conhecimento do substrato rochoso do Porto, nomeadamente no que diz respeito ao seu comportamento geomecânico.
Rock mass classifications are one of the most established approaches to assess the quality of rockmass, because of their basic purpose of simplicity and ability to managing uncertainties. The geological and geotechnical uncertainties can be tackled effectively using proper classifications. This study intends to emphasize the importance of engineering rock mass classifications and geomechanical indexes, like Rock Mass Rating (RMR), Rock Tunnelling Quality Index (Q‐system), Geological Strength Index (GSI) and Hydro‐Potential (HP) Value, to assess the quality of the granitic rockmass of Paranhos galleries (Carvalhido – Burgães sector; Porto urban area). In particular, the HP‐value is a rockmass classification semiquantitative technique employed to estimate groundwater seepage into excavations in bedrock. For this evaluation an extensive geological‐geotechnical and geomechanical databases were developed. The field parameters were collected by the scanline sampling technique of free rockmass exposures. In order to improve the previous geotechnical zoning of the granitic rock mass, rock samples were collected in key targets, aiming to evaluate their strength with laboratory Point Load testing procedures. The application of geomechanical classifications was done in a very balanced way establishing different scenarios and always in relationship with the in situ rock mass features. A proposal of a hydrogeomechanical zoning is presented to achieve a better understanding of the granitic rockmass geohydraulic circulation. This approach proved to be valuable in deepening our knowledge of Porto bedrock, namely its hydrogeomechanical behavior.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/2712
Aparece nas colecções:ISEP - DM – Engenharia Geotécnica e Geoambiente

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_MarleneMadureira_2012_MEGG.pdf23,05 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.