Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/2235
Título: Comportamento motor do tronco e membro superior, num sistema de posicionamento rígido e dinâmico, durante atividade
Autor: Viveiros, Renata
Orientador: Faias, Joaquim
Santos, Rubim
Palavras-chave: Sistemas de posicionamento
Paralisia cerebral
Membro superior
Tronco
Alcançar
Seating systems
Cerebral palsy
Upper limb
Trunk
Reach
Data de Defesa: 2013
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto
Resumo: A funcionalidade dos indivíduos com Paralisia Cerebral está muitas vezes comprometida devido às alterações do movimento e do controlo postural. Dadas estas alterações, a posição de sentado oferece uma maior estabilidade sendo muitas das atividades de vida diária desempenhadas nesta posição. O objetivo mais importante de intervenção é obter o máximo de funcionalidade na posição de sentado, particularmente do membro superior. Este objectivo, na maioria das vezes, só pode ser atingido com o uso de sistemas de posicionamento que tentam colmatar as alterações posturais e do movimento. Assim, o objetivo deste estudo de caso é verificar se existem diferenças no comportamento motor do tronco e do membro superior, com um sistema de posicionamento rígido e com um sistema de posicionamento dinâmico, numa jovem com Paralisia Cerebral, aquando da ativação manual de um switch. Foi realizado um estudo de caso único em que foi feita uma análise cinemática do movimento do tronco e membro superior na ativação de um switch BigMack, em três posições de teste com distâncias diferentes. Simultaneamente mediu-se a distribuição do peso durante o movimento, através do mapa de pressão e foi registada, bilateralmente a atividade dos músculos trapézio (porção média), longuíssimo, recto abdominal e oblíquo externo. Os resultados obtidos apontam, neste caso em particular, para uma melhoria na qualidade do movimento e da distribuição de peso, com o sistema de posicionamento dinâmico, sem diferenças entre os dois sistemas relativamente à ativação muscular.
The functionality of individuals with Cerebral Palsy is often disturbed due to impaired postural control and movement. As the result of these impairments many individuals with cerebral palsy have problems in maintaining the stance, therefore the sitting position offers more stability allowing the performance of daily activities in this position. A primary goal of intervention is to obtain the maximum degree of function when sitting, particularly of the arms. This goal can only be achieved, in many cases, with the use of positioning systems that improve postural control and movement. Therefore, the aim of this study is to verify the differences in the trunk’s and upper limb’s motor behaviour, with a rigid positioning system and with a dynamic positioning system, in a young individual with cerebral palsy, while manually activating a switch. A single case study was conducted with kinematics analysis of the arm activating the switch BigMack, in three test positions with different distances. Simultaneously the weight distribution during movement was measured, using a pressure map and the activity of the muscles trapezius (middle portion), longissimus, rectus abdominis and external abdominal oblique was recorded. The results indicate, in this particular case, an improvement in the quality of movement and weight distribution with the use of a dynamic positioning system. The degree of activation of muscles was not different between the two systems.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/2235
Aparece nas colecções:ESTSP - DM - Terapia Ocupacional

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_RenataViveiros_2013.pdf860,54 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.