Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/1949
Título: O efeito da inibição dos músculos Sub-occipitais na dor cervical e de cabeça e nas amplitudes articulares
Autor: Dias, Olga
Orientador: Bessa, Isabel
Palavras-chave: Inibição dos músculos sub-occipitais
Amplitudes articulares cervicais
CROM
Dor
Funcionalidade
Inhibition of the sub-occipital muscles
Neck range of motion
CROM
Pain
Functionality
Data de Defesa: 2011
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto
Resumo: Caso clínico: Este estudo observacional descritivo - tipo estudo de caso, tem como amostra uma senhora de 36 anos com dor cervical superior esquerda e de cabeça. Após uma avaliação inicial, a paciente foi submetida a três aplicações da técnica de inibição dos músculos sub-occipitais durante uma semana em dias alternados, com o objetivo de quantificar o seu efeito nas amplitudes articulares cervicais, na dor e na funcionalidade. Para o efeito foram utilizados como instrumentos o Cervical Range of Motion Instrument, a Escala Visual Analógica e o Índice de Incapacidade relacionada com a Cervical. A paciente foi reavaliada em três momentos distintos (1’ após a primeira aplicação da técnica e oito e quinze dias depois). O resultado imediato da técnica foi de um ligeiro aumento nalgumas amplitudes articulares mas noutras ocorreu uma diminuição dos seus valores. Após 8 e 15 dias houve um aumento de todas as amplitudes articulares cervicais à exceção da inclinação e da rotação esquerda que diminuíram ligeiramente em relação à avaliação inicial e da extensão que manteve a mesma amplitude articular. Quanto à sintomatologia dolorosa foi eliminada por completo e a pontuação da funcionalidade passou de 18 para zero logo após a primeira intervenção. A aplicação desta técnica, nesta paciente, aumentou as amplitudes articulares cervicais, eliminou a dor cervical e de cabeça e melhorou a funcionalidade.
Clinical case: The object of this case study is a 36 years old’s lady of with upper neck pain on the left side and headache. After an initial assessment, the patient was submitted to three applications of the technique of inhibition of sub-occipital muscles for a week in alternate days, in order to quantify its effect on cervical range of motion, pain and functionality. As instrument were used the Cervical Range of Motion Instrument, Visual Analogue Scale and Neck Disability Index. The patient was re-assessed at three different times (1' after the first application of the technique and eight and fifteen days later). The immediate effect of the technique was a slight increase in some range of motions but in others there was a decrease in their values. After 8 and 15 days there was an increase of all cervical range of motions except for left rotation and left lateral flexion that slightly decreased when compared to the initial assessment and extension range of motion that remained the same. The pain symptoms were all eliminated and functionality score increased from 18 to zero, after the first intervention. The application of this technique in this patient, increased cervical range of motion, stopped the neck pain and headaches, and improved the functionality.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/1949
Aparece nas colecções:ESTSP - DM - Fisioterapia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_OlgaDias_2011.pdf1,87 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.