Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/1932
Título: Efectividade de um programa de exercícios terapêuticos em meio aquático na ligamentoplastia do LCA
Autor: Machado, Licínio
Orientador: Bessa, Isabel
Palavras-chave: Ligamentoplastia
Hidroterapia
Exercícios terapêuticos
Joelho
ACL reconstruction
Hydrotherapy
Therapeutic exercise
Knee
Data de Defesa: 2011
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto
Resumo: A reabilitação do joelho utilizando exercícios terapêuticos em meio aquático tem sido utilizada com o intuito de iniciar, de forma imediata os movimentos articulares, pois reduz a dor e permite a carga de peso mais precoce. Apesar destas vantagens serem reconhecidas, poucos estudos têm sido realizados no sentido de determinar a efectividade dos exercícios terapêuticos em meio aquático na reabilitação pós-cirúrgica do ligamento cruzado anterior (LCA) Objectivo: Descrever os efeitos de um programa de exercícios terapêuticos em meio aquático num caso clínico de ligamentoplastia do cruzado anterior. Metodologia: Um jogador de futebol de 27 anos de idade, sujeito a uma ligamentoplastia do LCA, completou um programa de exercícios terapêuticos em meio aquático que constou de um total de 24 sessões (4 por semana, e 60 minutos por sessão). O atleta foi avaliado em três momentos distintos (T0, no início da intervenção, T1, três semanas após o início da intervenção e T2, seis semanas após o início da intervenção. Como parâmetros de avaliação foram utilizadas as amplitudes articulares (goniometria), o teste muscular manual, o volume muscular (perimetria), o equilíbrio estável (Y Balance Test (YBT)) e a funcionalidade (Knee Injury and Osteoarthritis Outcome Score (KOOS)). Resultados: Após as 24 sessões verificou-se uma melhoria nos diversos parâmetros avaliados (flexão do joelho: 75º vs 134º; extensão do joelho: -7º vs 0º; força dos flexores e extensores do joelho: 3 vs 4+; perimetria da coxa: 46,2 cm vs 51,5 cm; YBT: equilíbrio anterior (resultados correspondentes aos momentos T1 e T2): 53 cm vs 72 cm; posterolateral: 46 cm vs 61 cm; posteromedial: 39 cm vs 57 cm; KOOS: dor/sintomas: 17 vs 92, outros sintomas: 25 vs 75, actividades da vida diária: 12 vs 90, actividades desportivas e de lazer: 0 vs 55, qualidade de vida relacionada com o joelho: 0 vs 50. Conclusão: O programa de exercícios terapêuticos em meio aquático utilizado neste estudo parece ter efeitos benéficos num caso clínico de ligamentoplastia do cruzado anterior.
Exercises in water could expedite knee rehabilitation because of the decreased stress on the joint, allowing early weight-bearing and reduction of pain. In spite of its advantages, there are few studies of the effectiveness of aquatic therapeutic exercises following anterior cruciate ligament (ACL) reconstruction. Aim: This study aims to describe the effects of an aquatic therapeutic exercises program following ACL reconstruction (case report). Method: A 27 seven years old soccer player had 24 sessions of aquatic therapeutic exercises (4 times a week, 60 minutes each session) following ACL reconstruction. The athlete was evaluated at three moments: (T0, in the beginning of the rehabilitation; T1, three weeks after the beginning of the rehabilitation; T2, six weeks after the beginning of the rehabilitation). The evaluation consisted of range of motion (goniometry), manual muscular test, muscular volume (perimeter), stable balance (Y balance test (YBT)), functionality (Knee Injury and Osteoarthritis Outcome Score (KOOS)). Results: At the end of the 24 sessions, all evaluated parameters were improved (knee flexion: 75º vs 134º; knee extension: -7º vs 0º; knee flexors and extensors strength: 3 vs 4+; thigh volume: 46,2 cm vs 51,5 cm; YBT (T1 and T2): anterior balance: 53 cm vs 72 cm; posterolateral: 46 cm vs 61 cm; posteromedial: 39 cm vs 57 cm; KOOS: pain/symptoms: 17 vs 92; others symptoms: 25 vs 75; activities of daily living: 12 vs 90; sportive and leisure activities: 0 vs 50; health quality related to the knee: 0 vs 50. Conclusion: The therapeutic aquatic exercises program used in this study case had benefits following ACL reconstruction.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/1932
Aparece nas colecções:ESTSP - DM - Fisioterapia

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_LicinioMachado_2011.pdf1,34 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.