Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/1817
Título: A importância do relacionamento bancário no financiamento das PME
Outros títulos: A importância do relacionamento bancário no financiamento das pequenas e médias empresas
Autor: Braga, Sílvia Maria Graça
Orientador: Silva, Armando
Palavras-chave: Financiamento
Pequenas e médias empresas
Financing
Small and medium sizes enterprises
Data de Defesa: 2013
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Estudos Industriais e de Gestão
Resumo: Tendo como ponto de partida uma amostra de pequenas e médias empresas portuguesas, examina-se empiricamente o papel do relacionamento bancário nas condições dos financiamentos obtidos pelas mesmas. Para esse efeito usam-se três variáveis explicativas: reputação do cliente bancário, duração da relação bancária e concentração do crédito do cliente junto do banco em causa. O trabalho empírico teve por base uma análise de regressão múltipla de dois modelos reveladores das condições do financiamento bancário, sendo estes: o prémio de risco e o limite de crédito concedido. Verificou-se que, para o modelo prémio de risco as únicas variáveis que revelaram importância para a explicação do mesmo foram a reputação com um sinal positivo, o montante de crédito e a liquidez geral, tendo estes últimos apresentado um sinal negativo. Conclui-se portanto, que as variáveis ligadas ao relacionamento bancário, com exceção da reputação, não se mostraram estatisticamente significativas na explicação do prémio de risco. Relativamente ao modelo explicativo do montante de crédito concedido, a variável duração tem um impacto significativo, indicando que os relacionamentos são valiosos uma vez que, à medida que aumenta o relacionamento com o banco, aumenta também o montante de financiamento concedido, não se verificando, no entanto, significância estatística em nenhuma outra medida do relacionamento bancário. As variáveis que demonstraram ter um maior impacto no montante de crédito disponibilizado foram variáveis relacionadas com a performance económico-financeira das empresas da amostra
Having as a starting point a sample of small and medium sized businesses, we examine empirically the role of banking relationship on the conditions of funding obtained by the SME’s. This empirical work was based on a multiple regression analysis of two models which reveal the conditions of bank financing, these being the risk premium and the limit of credit granted. We have found that for the model risk premium the only variables that showed importance to the explanation of the model were the reputation with a positive sign, the Ln (amount of credit) and general liquidity, the latter two presented a negative sign. We conclude that the variables related to relationship banking, with the exception of reputation were not significant in the allocation of risk premium. Regarding the model credit amount, the variable duration has a significant impact, demonstrating that the relationships are valuable to the extent that as the relationship with the bank increases, the amount of granted funding also increases, however, there is no statistical significance in any other measure of relationship banking. The variables that have demonstrated a greater impact on the amount of available credit were the variables related to the economic-financial performance of the sample.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Finanças Empresariais
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/1817
Aparece nas colecções:ESEIG - DM - Finanças Empresariais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_SilviaBraga_2013.pdf568,55 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.