Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/1190
Título: Alianças estratégicas: análise do sector exportador de produtos português
Autor: Santos, Rosa Maria Carvalho dos
Orientador: Castro, Conceição
Palavras-chave: Alianças Estratégicas
Cooperação Empresarial
Criação de Valor
Internacionalização
Strategic alliances
Business cooperation
Value creation
Internationalization
Data de Defesa: 2011
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Estudos Industriais e de Gestão
Resumo: Ao longo das últimas décadas ocorreram mudanças muito rápidas no mundo, criando uma dinâmica nas relações sócio-económicas, de difícil comparação. A celeridade na difusão das tecnologias, acompanhada pela exigência aprimorada dos consumidores e pela crescente competitividade do mercado, proporciona o aparecimento de novas formas organizacionais. As alianças estratégicas enquadram-se nesta nova fase de organização estratégica, oferecendo às empresas a possibilidade de competir através da cooperação. Este estudo tem como objectivo analisar a temática envolvente ao conceito de aliança estratégica, fazendo-se em primeiro lugar uma abordagem teórica de forma a enquadrar o tema, complementada posteriormente com uma abordagem prática que permite observar a opinião das empresas portuguesas, inseridas no sector exportador de produtos, relativamente à adesão a esta nova herança do desenvolvimento global.A concretização das alianças estratégicas proporciona às empresas a realização de objectivos comuns através da partilha de recursos, custos, riscos e benefícios. É através da cooperação empresarial que as empresas fomentam a sua actividade e prosseguem na consecução de novas oportunidades. As alianças estratégicas são promotoras do desenvolvimento empresarial e do crescimento e expansão das empresas. As constantes mutações do mercado impulsionam a criação de parcerias. Estas parcerias sustentam as empresas, aperfeiçoam as competências e desenvolvem as actividades empresariais. Em particular, no que se refere ao sector exportador de produtos, as conclusões deste estudo são no sentido de que existe uma dinâmica importante ao nível desta forma de cooperação empresarial e que as empresas a entendem como uma forma de melhorarem o seu desempenho competitivo. Entre as empresas deste sector que já realizaram alianças estratégicas, que predominam no domínio comercial, conclui-se que a aliança conduziu, na maior parte dos casos, à criação de valor e aumentou o volume de vendas, o lucro e o retorno de investimento. A concretização da aliança estratégica coadjuvou no alcance dos objectivos delineados o que legitima o interesse pela realização de novas parcerias.
Over the past decades there have been changes very fast in the world, creating dynamic socio-economic relations, difficult to compare. The rapid diffusion of technologies, accompanied by improved consumer demand and increasing market competition gives the appearance of new organizational forms. Strategic alliances fall into this new phase of strategic organization offering companies the change to compete through cooperation. This study analyzes the themes surrounding the concept of strategic alliance, becoming first a theoretical approach in order to frame the subject, later completed by a practical approach that allows us to observe the view of Portuguese companies with regard to adherence to this new inheritance global development. The implementation of strategic alliances provides enterprises with the achievement of common objectives by sharing resources, costs, risks and benefits. It is through business cooperation that companies promote their business and continue the pursuit of new opportunities. Strategic alliances are promoting business development and growth and business expansion. The constant changes in the market drive the creation of partnerships. These partnerships support businesses, improve skills and develop business activities. In particular, it appears that the export sector products there is an important dynamic at this form of business cooperation and that companies see it as a way to improve their competitive performance. Among the companies in this sector that have made strategic alliances, which dominate the field of trade, most indicate that the alliance led to the creation of value and increased sales, profit and return on investment. The implementation of the strategic alliance assist in achieving the objectives outlined what legitimate interest in new partnerships.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Finanças Empresariais
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/1190
Aparece nas colecções:ESEIG - DM - Finanças Empresariais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_RosaSantos_2011.pdf1,58 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.