Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.22/1147
Título: O Processo de gestão de risco nas organizações
Autor: Barros, Ana Jorge Neves de
Orientador: Mendes, Carlos Manuel Antunes
Palavras-chave: Supervisão
Regulação
Riscos
Negócio
Supervision
Regulation
Risk
Business
Data de Defesa: 2012
Editora: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Resumo: No final da década de 90 a crise económica e a desconfiança dos investidores que se instalou nos Estados Unidos na sequência dos escândalos financeiros que afectaram grandes empresas e consequentemente o mercado de capitais norte-americano, espalhando-se a todo o mundo, levou à aprovação de uma nova legislação que ficou conhecida por Lei Sarbanes-Oxley (SOX), com o objectivo de recuperar a credibilidade dos negócios. Neste trabalho expõe-se a evolução que a Gestão de Riscos de Negócio teve desde então e as ferramentas que têm vindo a ser criadas para esse efeito e discute-se a relação entre a aprovação dessa Lei e o comportamento das organizações no pós-SOX, no que diz respeito à sua apetência para a Gestão de Riscos de Negócio a que ficam expostas, através da revisão de literatura sobre o assunto. É parte integrante deste trabalho o inquérito realizado a várias organizações com o objectivo de apurar de que forma estão dispostas a preparar-se para monitorar os riscos de forma a criarem valor para os stakeholders. Contudo, a falta de respostas ao mesmo não permitiu concluir se estão abertas à utilização de mais esta ferramenta de gestão, ou se, pelo contrário, vão reagir com uma atitude hostil como o fizeram relativamente à Lei Sarbanes-Oxley, classificando-a como mais uma forma de desviar recursos que poderiam estar ao serviço da criação de novos produtos para competir no mundo globalizado, o que na prática equivale a uma diminuição da apetência para a tomada de riscos por parte das organizações. De todas as opiniões consultadas sobressai contudo a ideia de que as organizações têm hoje a consciência de que não podem passar sem melhor regulação, e melhorias do seu controlo interno que a auditoria interna tem uma palavra a dizer na gestão dos riscos de negócio.
In the late 90's economic crisis and distrust of investors who settled in the United States in the wake of financial scandals that have affected large companies and consequently the market for U.S. capital, spreading throughout the world, led to the approval of new legislation that became known as the Sarbanes-Oxley (SOX), with the aim of restoring the credibility of the business. In this work we present the evolution of the Risk Management Business and since then had the tools that have been created for this purpose and discusses the relationship between the passage of this Act and the behavior of organizations in the post-SOX, the respect to its readiness for Risk Management Business which are exposed through the review of the literature on the subject. It is an integral part of this work, the survey of various organizations in order to determine how they are willing to prepare to monitor risks in order to create value for stakeholders. However, the lack of responses to it not possible to conclude whether they are more open to using this management tool, or if, by contrast, will react with hostility as they did in relation to the Sarbanes-Oxley Act, classifying it as more a way of diverting resources that could be at the service of creating new products to compete in the globalize world, which in practice amounts to a decrease in appetite for risk taking by both organizations. Of all the reviews but found the idea emerges that organizations today have an awareness that can not do without better regulation, and improvement of its internal control that internal audit has a say in the management of business risks.
Descrição: Dissertação apresentada ao Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto para obtenção do Grau de Mestre em Auditoria Orientada por Mestre Carlos Manuel Antunes Mendes
URI: http://hdl.handle.net/10400.22/1147
Aparece nas colecções:ISCAP - DM - Auditoria

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DM_Ana_Barros_2012.pdf1,8 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.